História




A 12 quilômetros de Monte Aprazível, surgiu no meio de cafezais verdejantes, em 03 de maio de 1926, o povoado de Poloni, cujo nome veio do seu fundador, Cândido Poloni, fazendeiro nas imediações.

Já existia, então, o povoado de Vila Colombo, onde primeiro foi criado Distrito Policial e instalado, Distrito de Paz, mas graças a energia e trabalho perseverante dos fundadores de Poloni, foi esta vila que progrediu, em detrimento de Vila Colombo, hoje bairro rural de Poloni.

Vale destacar que se tem registro de Vila Colombo no ano de 1924 quando, através a Lei nº 2007 de 23 de dezembro, assinada pelo Governador Carlos Campo, Mirassol foi elevada a município, constituído por amplo território, com os distritos de Cerradão (José Bonifácio), Nipoã, e povoados de Bálsamo, Barra Dourada, Ubarana, Miralua (Vila Costa – Distrito de Neves), Colombo e Jacutinga.

Pelo Decreto nº 6205, de 11 de dezembro de 1933, a sede do Distrito de Paz de Colombo é transferida para Poloni, que assim firma a sua existência. É de notar que o Cartório de Paz já havia sido transformado, embora provisoriamente, de Colombo para Poloni, por determinação do DD Juiz de Direito, de modo que o decreto acima mencionado, veio apenas efetivar e legalizar uma mudança que já havia sido feita.

Poloni, absurdamente, pertencia ao município de Mirassol, e portanto à comarca de Rio Preto, por uma dessas chicanas políticas que era fértil a politicalha da época, mas, em 26 de outubro de 1937 passou a pertencer a Comarca e ao Município de Monte Aprazível através da Lei 3112.

Pelo Decreto-Lei Federal nº 2104 de 2 de abril de 1940 e Decreto Estadual nº 11.069, de 4 de maio de 1940, o distrito passou a denominar-se Polôni.

No início da década de 50 começa a campanha para a emancipação política que acontece em 30 de dezembro de 1953 pela Lei nº 2456 de 30 de dezembro de 1953, executada a 1º de janeiro de 1954, ficando constituída apenas pelo Distrito de Poloni.

Há um período de transição e a primeira eleição municipal se dá em 03 de outubro de 1954 e Cândido Poloni, eleito prefeito, toma posse em 1º de janeiro de 1955.